Opinião  
 

"O Santos e Região Convention & Visitors Bureau, entidade que presido, contribui no apoio à divulgação dos atrativos das nove cidades que compõem a Costa da Mata Atlântica e também na captação de eventos e novos negócios. E é certo que nossa região possui em sua história uma conexão muito próxima com nossos irmãos lusitanos. Afinal, a História do Brasil começou aqui, exatamente na cidade de São Vicente, com a fundação da primeira vila brasileira, colonizada pelos portugueses.

Nossa Região é repleta de histórias desse período e ainda preserva alguns edifícios e marcos que comprovam a boa relação que Brasil e Portugal souberam preservar ao longo de mais de cinco séculos. E, como não poderia deixar de ser, a comunidade portuguesa aqui é muito expressiva. São mais de 38 mil lusitanos com dupla nacionalidade, somando os que habitam o Vale do Paraíba. Se levarmos em consideração os filhos e netos, que ainda não adquiriram cidadania portuguesa, esse número salta para 90 mil.

Essa expressividade se reflete em nossa cultura, influenciando aspectos da nossa arquitetura, da gastronomia e das artes. Já a reconhecida hospitalidade do povo português é preservada em nossos costumes, seja por meio de uma calorosa recepção em um hotel, ou na presteza dos que trabalham no setor de Serviços.

Atualmente, a Baixada Santista abriga diversas entidades e órgãos que cuidam dos interesses da comunidade lusitana e trabalham para preserva sua história. Entre elas, a Casa da Madeira, a Sociedade de Beneficência Portuguesa, o Centro Cultural Português, a Associação Portuguesa Santista, Tricanas de Coimbra, Elos Clube e a Casa de Portugal da Praia Grande.

São grupos muito bem intencionados e que trabalham para unir os lusitanos e seus descendentes, contribuindo para manter viva sua cultura tradicional, como os Ranchos Folclóricos.

E para mim, a relação entre esses dois maravilhosos países é muito importante para ambos os lados. De um lado, temos o Brasil, que tem o benefício de ter em Portugal uma porta de entrada na Europa e na Comunidade Europeia, facilitando o desenvolvimento econômico e turístico.

Também vemos em Portugal a base da nossa cultura e história. Desta forma, sempre mesclamos nossas raízes, pois temos marcos da monarquia portuguesa em ambos os países.

Ou seja, temos em Portugal o nosso berço.

Já para Portugal, o Brasil, ainda hoje, é uma terra de oportunidades para milhares de portugueses que vêm ao Brasil para se estabelecer. Também vêem no Brasil um local onde a cultura portuguesa se preserva, dando assim continuidade e amplitude às varias conquistas desse povo heróico. Claro que isso não ocorre apenas no Brasil, pois existem portugueses espalhados por todo o mundo. Na verdade, metade da população portuguesa vive fora de Portugal. Isso nos mostra como esse povo é desbravador, destemido e batalhador.

O papel da CCLB é importantíssimo nesse processo evolutivo e contínuo entre esses dois países irmãos. Viemos de uma mesma base. Não podemos deixar essa história, tradição, cultura, gastronomia e relacionamento minguar com o passar dos tempos. E eles (do CCLB) têm essa preocupação e vêm fazendo um ótimo trabalho.”

 
Alex Veríssimo Mendes, Presidente do Santos e Região Convention & Visitors Bureau
 
PERFIL
 

Alex Veríssimo Mendes, nasceu no município de Santos/SP, em fevereiro de 1976.

Cursou Ciências Econômicas pela UNIMES e formou-se no ano de 1998.

Atividades profissionais:

Diretor de Hotelaria e Eventos do Grupo Mendes
Diretor da Ergos Tecnologia
Presidência HTS Brasil

Outras atividades:

Presidência do Santos e Região Convention & Visitors Bureau
Vice-presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e Vale do Ribeira
Vice-presidente da ABIH – SP (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis)

 
« Voltar