Opinião  
 

“Intercâmbio no lugar de simples câmbio

Longe dos clichês de país irmão, nossa pátria original etc etc, Portugal é, incontestavelmente, a maior referência para os brasileiros no Continente Europeu. Dentro dessa ótica, o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo não se restringe apenas à valiosa troca de informações entre empresários e pessoas com interesses diversos na profícua network fomentada através deste espaço virtual. Como executivo da área hoteleira há 38 anos e reconhecendo a tradição que Portugal tem no segmento, considero o CCLB uma seara das mais importantes para o intercâmbio de informações, num formato pronto para propagar relacionamento, cultura e negócios. Portugal é pequeno em dimensões geográficas, mas enorme em oportunidades para o brasileiro empreendedor. O Brasil se desenha como grande nação no bloco dos emergentes, condição que faz dele o país que recebe todas as nacionalidades de braços abertos, um lugar para portugueses encontrarem possibilidades para prosperar.”

 
Fernando Chabert
 
PERFIL
 

O luso-brasileiro Fernando Chabert tem 38 anos de carreira em hotelaria, chegou ao Brasil em 1974, para inaugurar o InterContinental Rio, onde trabalhou por um ano como gerente de hospedagem. De lá, foi para a rede Othon inaugurar o Bahia Othon ficando nove anos na empresa onde atingiu o posto de gerente-geral no Belo Horizonte Othon em 1980. Passou três anos no Le Méridien da Bahia como diretor-geral, sete anos como diretor regional da Le Méridien Brasil baseado no Méridien Copacabana e oito como diretor regional da Méridien de Portugal. Em 2007, retornou à rede Othon onde, há seis anos, atua como Diretor Superintendente e Presidente do Conselho de Administração.

 
« Voltar