Opinião  
 

“Brasil e Portugal têm uma bela história, que já foi contada além de livros e documentos. É uma relação de amor e carinho, de respeito àqueles que vieram de longe e aqui trouxeram suas raízes e desbravaram nossas florestas , construindo uma grande nação. Essa verdadeira história recheada de muitas histórias fazem, até hoje, parte de nossas raízes seja na cultura, na gastronomia, na arquitetura, na linguagem, nos costumes, entre tantas outras contribuições.
É certo que hoje convivemos como irmãos e sabemos da importância desse relacionamento para contribuir para um mundo melhor, pois aqui vivem muitos descendentes que ainda têm suas famílias em Portugal e sabemos da importância do nosso congraçamento para não perder os vínculos invisíveis que nos ligam à nossa própria raiz.

Em um mundo onde o ódio e o preconceito imperam é muito importante mostrar que podemos conviver com as culturas diferentes mas que na essência partiram do mesmo ramo. Brasil e Portugal mostram a todo momento a grandeza dessa relação tão cordial.

Por isso é de extrema importância ter um Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que mantém vivas as raízes de nossa gente, de nossa cultura, de nosso lugar. Em um mundo onde estamos, cada vez mais longe de tradições e dos relacionamentos e onde a tecnologia nos oferece a oportunidade de participar e manter vivos os laços que nos unem e nos tornam eternos parceiros da comunidade luso-brasileira, inclusive trazendo informações sobre fatos, eventos e personagens de nossa comunidade.

O trabalho desenvolvido pelo Conselho auxilia a redescobrir e reencontrar muitos descendentes que aqui estão e ajudam a construir a grandeza do Brasil."


 
Maria Lúcia de Paiva, psicóloga, docente da SENAC e consultora empresarial
 
PERFIL
 

Maria Lúcia de Paiva nasceu na cidade de São Lourenço, Minas Gerais, em cinco de setembro de 1959. É neta de português – Pedro Cassiano Pereira, que era um comerciante do interior de Minas Gerais – Baependi e de Francisca de Paiva. Filha de Antônio Pereira de Paiva e Celina Melo de Paiva , Maria Lúcia veio para Taubaté com cinco anos e pela proximidade com a área central da cidade acompanhou suas transformações e discutia muito quando os casarões, locais históricos e construções inadequadas eram realizados no local, pois entendia, já naquela época, que Taubaté era uma cidade muito especial.

O Ginásio e Colegial – nomenclaturas da época – foram realizados no Estadão ou EE Monteiro Lobato. Aos 16 anos ingressou na Psicologia em Lorena, porém só foi concluí-la mais tarde em Taubaté, para se dedicar aos filhos Marco Antonio e Thatiana, hoje já casados. Especialista em Recursos Humanos, Turismo, Eventos, Etiqueta, Cerimonial, dedicando-se à docência em várias instituições de ensino. Seu extenso currículo mostra dezenas de palestras realizadas em órgãos públicos e empresas, cursos, treinamentos e eventos de modo geral, sendo uma das coordenadoras dos eventos realizados pela Secretaria de Turismo e Cultura em Taubaté há vários anos como aniversário da cidade, carnaval, Semana Monteiro Lobato, Festa de Quiririm, Festa do Tropeiro, Feira Literária, entre outros.

Foi docente em varias instituições de ensino. Na Unitau – Universidade de Taubaté - além de professora foi secretária da Pro - Reitoria de Administração, diretora administrativa, vice-presidente da Cipa, membro do Conselho de Administração, coordenadora do Curso de Hotelaria e Turismo em Ubatuba e membro em várias comissões de eventos e do Vestibular. Foi professora homenageada, paraninfa e patronesse em diversas turmas dos cursos de Administração na Unitau. Foi também professora na Faculdade Anhanguera, INESP, UNOPAR e atualmente se dedica ao SENAC São Paulo aqui em Taubaté, onde ministra vários cursos técnicos, corporativos, de etiqueta, eventos, oratória, entre outros.

Iniciou sua caminhada na área de turismo ainda em Ubatuba, quando foi indicada como docente e posteriormente coordenadora do curso, pois percebeu que poderia contribuir muito para cidade e região, que tem inúmeros atrativos turísticos, uma história sem igual e uma cultura efervescente.

Dentre suas atividades destacamos:

• Diretora de Turismo da Secretaria de Turismo e Cultura de Taubaté;
• Diretora Conselheira da Associação dos Municípios de Interesse Turístico – AMITUR;
• Secretária Executiva do Fórum de Desenvolvimento do Vale do Paraíba e Serras
• Foi interlocutora Regional da Região Turística Vale do Paraíba;
• Foi secretária e presidente do Conselho Municipal de Turismo de Taubaté;
• Secretária Executiva do Convention & Visitors Bureau Terras de Lobato;
• Foi membro do Conselho Gestor do Circuito Caipira – projeto desenvolvido em parceria com o SEBRAE e IBRASS com objetivo de desenvolver o circuito turístico composto por nove municípios – Taubaté, Tremembé, Caçapava, Jambeiro, Paraibuna, Redenção da Serra, Natividade da Serra, Lagoinha e São Luiz do Paraitinga;
• É palestrante, consultora empresarial e organizadora de eventos;
• Docente do SENAC Taubaté nos cursos técnicos, livres e corporativos;
• Possui coluna semanal do Jornal Diário de Taubaté onde enfoca assuntos turísticos.


 
« Voltar