“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

NOTÍCIAS
O nosso dia

“Esta é uma data importante em que destacamos este navegador e explorador português, capitão-mor da frota portuguesa que avistou a costa do Brasil em 22 de abril de 1500. Após mais de cinco séculos reverenciamos Cabral unindo a comunidade, agora de modo presencial, após um triste período de epidemia no mundo todo. Retomamos nossos eventos com a grandeza merecida. Viva o Brasil! Viva Portugal”, afirmou o presidente Magno. Em seguida houve a saudação do cônsul geral de Portugal em SP, Paulo Jorge Nascimento, que enfatizou a data, acrescentando que a honestidade, o empenho e o trabalho são qualidades da comunidade luso-brasileira. “É o que nos faz reconhecidos”, concluiu o cônsul. O vereador Arnaldo Faria de Sá também manifestou sua satisfação pela importância do dia 22 de abril proporcionando muita alegria à comunidade.

O orador oficial da cerimônia foi o diretor Rogério Medeiros, do Grupo São Cristóvão Saúde, representando o presidente CEO deste mesmo grupo, Valdir Pereira Ventura. Ressaltou que 22 de abril simboliza muito mais que o descobrimento do Brasil, simboliza a união de dois países, uma nação luso-brasileira. “Hoje somos muito mais que povos irmãos, descendentes, parentes ou qualquer outro sinônimo. Aprendemos muito com Portugal e com os portugueses, mas aprendemos mais ainda juntos”.

Medeiros revelou que o Grupo São Cristóvão tem sua origem com portugueses. “O senhor José Augusto Ventura, avô no CE Valdir Ventura, chegou ao Brasil para construir e compartilhar, e não veio para explorar, mas para construir uma sociedade e compartilhar o amor ao próximo, a compaixão com a construção do Hospital e Maternidade São Cristóvão. Por isso, somos gratos pelo aprendizado transferido dos antepassados portugueses ao senhor José Augusto Ventura e, perpetuados pela família, com o CEO Valdir Ventura na manutenção do Grupo São Cristóvão”, disse Medeiros.

Referindo-se ao presidente Magno, ao cônsul Paulo Nascimento e às demais autoridades presentes, ressaltou que “os senhores, com suas ações, têm fortalecido este encontro de nações, assim como a preservação da cultura e do respeito”. O orador terminou sua participação com o poema Sonhos, de Fernando Pessoa:

Sonhei esta existência de venturas,
Sonhei que o mundo era só d’amor,
Não pensei que havia amarguras
E que no coração habita a dor.

Sonhei que m’afagavam as ternuras
De leda vida e que jamais palor
Marcou na face humana as desventuras
Que a lei de Deus impôs com rigor.

Sonhei tudo azul e cor-de-rosa
E a sorte ostentando-se furiosa
Rasgou o sonho formoso que tive;

Sonhando sempre eu não tinha sonhado
Que n’esta vida sonha-se acordado,
Que n’este mundo a sonhar se vive!

O ato cívico do Conselho contou também com a apresentação do Grupo Folclórico da Casa de Portugal, além da execução dos hinos de Portugal e do Brasil pela Banda da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

O Projeto Reviver é uma importante iniciativa do Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo – CCLB, que envolve uma exposição fotográfica dos idosos do Lar da Provedoria, com o apoio do Ministério dos Negócios Estrangeiros. A inauguração, na Casa de Portugal SP, está marcada para o dia 13 de maio, sexta-feira, às 18 horas até às 22 horas. Permanecerá aberta também no sábado, 14 de maio, das 10 às 17 horas.
De acordo com a Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas (DGLAB), a participação portuguesa nesta bienal contará com uma comitiva de cerca de duas dezenas de autores portugueses e do universo da lusofonia, e ainda dos ‘chefs’ Vítor Sobral e André Magalhães. Na Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que decorrerá de dois a 10 de julho, a presença de Portugal vai acontecer sob o mote “É urgente viver encantado”, uma frase do escritor Valter Hugo Mãe.
De acordo com dados do Observatório de Negócios Internacionais da Federação das Câmaras Portuguesas de Comércio no Brasil (FCPCB), o total de exportações do Brasil para Portugal em janeiro e fevereiro de 2022 foi de US$ 542,156 Milhões, o que significa um crescimento de cerca de 75% em relação ao mesmo período do ano passado.
Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo