“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Opinião
Opinião

OPINIÃO

Opinião

Maria Anunciação Nunes Marinho (Ciça Marinho), brasileira, nascida em São Paulo capital, filha de portugueses, começou a cantar em 1997, convidada a fazer parte do restaurante “O Castiço” em São Paulo. Cursou canto na Escola de Música Tom Maior, teve aulas particulares de piano por 4 anos e estudou canto, a título de aperfeiçoamento, com a cantora lírica Maude Salazar.

Atualmente faz diversas apresentações pelo Brasil em clubes, teatros, SESCs e em restaurantes típicos (Rancho 53, Rancho Português, Quinta do Olivardo, dentre outros) para quem gosta de apreciar ótimas comidas ao som de um perfeito Fado. Em Portugal atuou em casas de Fado como, Adega Mesquita e Mesa de Frades dentre outras. Gravou 3 CDs e um DVD sendo: CD e DVD ao vivo no Café Piu Piu (Bixiga) ; “Minhas Raízes” que foi lançado também em Portugal e, lançou o álbum intitulado “Além mar, além de mim” com a participação do compositor, cantor e produtor português Jorge Fernando, dos guitarristas Ângelo Freire e Luís Guerreiro e do acordeonista Oswaldinho do acordeon. Em agosto de 2014 iniciou em Portugal gravação do quarto álbum com produção de Jorge Fernando e com José Manuel Neto e Wallace Oliveira a guitarra portuguesa.

Com participação da fadista portuguesa Fábia Rebordão que é prima-neta de Amália Rodrigues. Previsão de lançamento para o primeiro semestre de 2018.

Ciça Marinho
Fadista, compositora e psicóloga

Sou Luso-Brasileira.

Como filha de portugueses nascida no Brasil não sei dizer se sou mais brasileira ou se portuguesa.
Tenho muito orgulho de ser filha de quem sou e trazer nas veias o sangue lusitano deste povo tão valente e destemido que me tornou a pessoa que sou.

Assim como tantos portugueses meus pais chegaram ao Brasil na década de 50 e aqui construíram uma família, sua história e a história deste país.

Desta forma me passaram seus valores conduzindo-me para o bem e ensinando-me a amar Portugal, minha terra mãe, honrando-a e defendendo-a como eles fizeram com o Brasil e assim o faço com meus filhos.

Deste modo ressalto a importância de entidades que fortaleçam os laços entre Brasil/Portugal e vice-versa para manter acesas nossa cultura e tradições, além do convívio social, história e seu patrimônio.
Parabenizo o trabalho exercido pelo Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que está sempre atento à comunidade representando-a, defendendo-a, informando-a e mantendo vivas nossas raízes o que a torna indispensável para a boa relação entre Brasil e Portugal no cultivo do respeito, amizade e união.

Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo