“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Opinião
Opinião

OPINIÃO

Opinião

Presidente da Associação Brasileira de Imprensa da Mídia Eletrônica – ABIME-BRASIL. Jornalista, há 38 anos, pedagoga, pós-graduada em Sociologia , participa das principais associações nacionais. Membro da Federação Nacional de Imprensa,a ABI-DF,fundadora da APACOS (Associação Paulista de Colunistas Sociais), Membro da ABRAJET( Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo), FEBRACOS e da ABRARJ (Associação Brasileira de Revistas e Jornais).
Criou o Prêmio Mulher realizado, anualmente, desde 1978 o qual em 2007 passou a ser Prêmio Internacional da Mulher.
Seu nome completo é Vera Lúcia Guilherme Tabach.
(Guilherme é Português de Abrantes – Seu avô paterno era filho de Portuguesa e Alemão).
A família de sua avó paterna – Ambrosina de Almeida Matos Guilherme e tio-avô Monsenhor Almeida Matos.
O Brasão da família Almeida Matos é da cidade de Abrantes, Portugal.
A família de sua avó materna – Maria de Souza Guimarães era de Lisboa e Açores.
Sendo assim, é neta de portugueses de Lisboa, Abrantes e Açores. Suas origens.

Vera Lúcia Guilherme Tabach
Jornalista

Com cerca de 202 milhões de pessoas que falam português no Brasil, e cerca de 10.500.000 em Portugal, apesar das diferenças regionais e culturais, já fica demonstrada a importância de existir um forte laço entre estes dois países, sendo Portugal, considerado historicamente nossa Pátria Mãe.

O idioma é de fundamental importância para todo ser humano, pois ele permite às pessoas a capacidade de comunicação com o entorno e com membros da comunidade onde estão inseridas. A língua em comum tem facilitado o fenômeno migratório em ambos os países.
Porém, em tempos de globalização e com o advento da internet as possibilidades de ampliar relações com pessoas que estão em outro continente aumentaram e muito. A existência de um Portal que facilite este processo é extremamente relevante.

Encontrar em um único local temas de interesses para os dois povos, um Portal com a missão de coordenar atividades educacionais, sociais, culturais, assistenciais e recreativas, o torna um facilitador no processo de comunicação e informação, fortalecendo os laços de amizade existentes entre portugueses e brasileiros.

Divulgar a existência do Portal do Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo é fundamental para a comunidade Luso-Brasileira, pois ele permite a interação com o público, sendo ao mesmo tempo uma via em dois sentidos. Dá a cada cidadão que acessá-lo a possibilidade de informar-se, questionar e opinar sobre diversos temas, gerando unidade através dos pontos em comum, mas respeitando a diversidade de pontos de vista e a pluralidade em diversos níveis, enriquecendo àqueles que do Portal fazem uso. Além disso, cumpre com seu papel na sociedade ao estimular valores fundamentais e conteúdos de qualidade, visando interesses coletivos.

Um Portal como este do Conselho que abrange temas relacionados à cidadania, democracia, desenvolvimento sustentável, econômico e social, que defende e estimula a preservação e valorização do meio ambiente, do patrimônio histórico e artístico, deve ser visto como um instrumento de mudança de atitudes menos eficazes, e um ponto de apoio importante para o crescimento de ambas as Nações.
É um local que promove posições comuns e um sentimento de unidade, um espírito colaborador, instigando a inovação e a solidariedade mútuas.

Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo