“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Opinião
Opinião

OPINIÃO

Opinião

Marco Freire nasceu em Freamunde, concelho de Paços de Ferreira, Portugal. Atualmente reside em São Paulo, assume a direção do Escritório de Representação do banco Caixanova para o Brasil. Anteriormente foi diretor da Unidade de Negócios do Porto e Analista Financeiro na mesma Entidade em Portugal.

É licenciado em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto (FEP) e MBA pela Escola Negócos Caixanova/Universidade de Geogetown.

Marco Freire
Diretor do banco Caixanova

A globalização e integração progressiva que temos vivido nas últimas décadas fizeram o mundo mais pequeno, criando novos desafios e oportunidades. Também as relações entre Portugal e o Brasil foram influenciadas por este processo, que continuará a transformar a forma como habitamos o espaço lusófono – novas gerações de portugueses têm descoberto o Brasil, assim como brasileiros têm redescoberto Portugal. O resultado só poderá ser o enriquecimento conjunto de culturas e vivências, que há mais de 500 anos estão intimamente associadas. Conhecer o trabalho do CCLB foi para mim uma oportunidade de contactar com uma associação que desempenha um papel muito importante no reforço, dinamização e aprofundamento dos laços entre Portugal e o Brasil, aliando a tradição com os novos desafios. Um bem-haja a todos por este contributo e demonstração de vitalidade!

Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo