“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Opinião
Opinião

OPINIÃO

Opinião

Formado em Biomedicina, com especialização em Saúde Pública e Marketing pela FGV, em Engenharia da Qualidade, Controle de Processos e Auditorias da Qualidade (Poli-USP). Diretor Técnico da Microbiotécnica – Centro de Assessoria em Higiene Ambiental, além de atuar em assessoria e análises laboratoriais.

Autor dos livros “Programa de Redução de Patógenos”, “Como Não Comer Fungos, Bactérias e Outros Bichos que Fazem Mal” e “Armadilhas de uma Cozinha”, da coleção Higiene dos Alimentos (Editora Manole), do “Dr. Bactéria” – Um guia para passar sua vida a limpo (Ed. Globo) e do “Xô, Bactéria” (Editora Manole).

Protagonista da Campanha do Ministério da Saúde sobre a Influenza A (H1N1) (gripe suína).

Estrelou campanha publicitária da Cervejaria Petrópolis – Cerveja Itaipava; dos Laticínios Betênia; das autoclaves Cristófolli; da Reckitt Benckiser – linha Dettol; da Itaiquara Alimentos – Linha Eggbox e da Unilever – Pureit – purificador de água; LG – Ar Condicionado; Aspirador Acqua Power, Sabonete Bactericida Protege.

Apresentou quadro “DR. BACTÉRIA” no Programa Fantástico da Rede Globo de Televisão, no Hoje em Dia da Rede Record de Televisão e no programa Tudo É Possível com a Ana Hickmann, da Rede Record de Televisão. Atualmente na Rede Record no Jornal da Record “SP NO AR”.

Detentor do seguinte site: www.higienedosalimentos.com.br

Roberto Martins Figueiredo, Dr. Bactéria
Biomédico

Sou neto de portugueses, oriundos de Trás-os-Montes. Dentro da globalização existente , nada mais importante que o aprofundamento das relações entre os povos não somente cultural e científica mas nunca se esquecendo das origens, da história, dos exemplos proporcionados pelos dois povos.

Atualmente, e cada vez mais, existe a necessidade de respostas rápidas seja quanto a aspectos econômicos como científicos, como o que acontece com muitos casos de doenças e em localidades que, se não tratadas em nível mundial, poderiam se tornar verdadeiras epidemias com índices de repercussão terríveis não somente para os dois povos mais em níveis mundiais.

O descobrimento de doenças, de novos tratamentos, de novos fármacos, de novos microrganismos causadores de enfermidades, o compartilhamento de informações, o intercâmbio de conhecimentos e de profissionais possibilita avanços médicos-científicos rápidos e precisos. Isto tudo vem ao encontro para diminuir significativamente as chances de erros e aumentam as oportunidades de acertos.

A existência do Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo representa uma chave de ligação entre os dois povos, uma porta de entrada do Brasil para a Europa e de Portugal para a América do Sul. Uma oportunidade de intercâmbio científico e cultural entre os povos e uma chance de tornar um povo único com os mesmos interesses e as mesmas preocupações.

Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo