“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Opinião
Opinião

OPINIÃO

Opinião

Musicista, pianista, saxofonista e professora, Tânia Turíbio é formada pela Faculdade de Artes Alcântara Machado (FAAM), onde graduou-se Bacharel em Piano Erudito, tendo como professores José Eduardo Martins, Diogo Pacheco e Regina Martins.

Objetivando aprimorar seus conhecimentos em diversos estilos musicais (MPB, Bossa Nova, Jazz, Improvisação) ingressou no CLAM (Centro Livre de Aprendizagem Musical), renomada escola fundada pelo grupo Zimbo Trio (Amilton Godoy, Rubinho Barsotti e Luiz Chaves).

Teve aulas com Amilton Godoy (uma de suas principais influências), Fernando Motta,Fred Kouri (Sax e Flauta) e Débora Gurgel. Fez cursos de especialização em musicalização infantil com Geraldo Suzigan e Maria Lúcia Cruz Suzigan.

Em 1986 foi convidada a compor o quadro de professores do CLAM onde leciona até hoje, nos departamentos de Piano e Iniciação Musical.

Participou de diversos projetos musicais dirigidos por Amilton Godoy, adquirindo assim uma larga experiência em várias formações de grupos instrumentais. Para Tânia, “a música é uma linguagem capaz de expressar e comunicar sensações, sentimentos e pensamentos. Ela está presente em várias culturas e consiste numa importante forma de expressão humana”.

Tania Turíbio
Musicista, pianista, saxofonista e professora

Sou pianista há 52 anos!

Do Pop ao Rock, do Jazz ao Blues, do Choro ao Samba e da Bossa ao Erudito… enfim: de Beatles à Beethoven!

E confesso: nunca tinha tocado um fado até aquele momento em que me contrataram para tocar em uma cerimônia de casamento onde o noivo era de nacionalidade portuguesa. Idos de 2017…

Repertório escolhido pelo noivo e lá fui eu “tirar as músicas” (como dizemos no meio musical). Suas guitarras, melodias maravilhosas, textos que me tocaram a alma e o coração de imediato, vozes que expressavam ora a dor, a alegria, o sofrimento de uma perda ou partida; ora o prazer de um reencontro, de uma felicidade arrebatadora.

QUE MÚSICA ERA ESSA QUE EU DESCONHECIA?!?!?
Completamente tomada pela beleza desse novo gênero (para mim…), não me bastou “fazer meu trabalho”. Fui à descoberta de Amália Rodrigues (Nem às paredes confesso/Uma casa portuguesa), José Afonso (Saudades de Coimbra), Linda de Suza (La valise em carton), Carminho (Meu amor marinheiro/ Escrevi teu nome ao vento), Ana Moura (O meu amor foi para o Brasil), Dulce Pontes (Canção do mar/Alfama); passei por releituras de “Foi Deus” com Ângela Maria e Agnaldo Timóteo, “Coimbra” com Roberto Carlos (na Jovem Guarda) até o “Fado Erudito” de Madredeus em “O Pastor”.

E a cada nova canção uma poesia se descortinava. Um novo encanto a se viver!

Hoje o Fado faz parte do meu repertório e do meu mundo musical.

Uma riqueza que nos encanta da Terra Irmã!

Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo