“Todo homem tem deveres com a comunidade”

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Missão
Missão

CCLB DESTAQUES

Missão
O escritor brasileiro Rubem Fonseca, de 94 anos, morreu em 15 de abril último, no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, vítima de infarto. Ele é considerado um renovador da literatura brasileira do século 20.
Em tempos de quarentena, nosso Conselho sugere que as pessoas se utilizem da plataforma USP Cultura em Casa, com mais de 30 institutos da universidade, entre unidades de ensino, órgãos culturais, museus e laboratórios.
Nesta edição nosso Conselho destaca o grande comandante militar e navegador português Pedro Álvares Cabral. Descendente de família nobre, este fidalgo estudou em Lisboa onde aprendeu literatura, história, cosmografia, artes militares e técnicas náuticas.
Com o reconhecimento pela UNESCO, 05 de maio é o dia mundial da língua portuguesa. Marco importante para o reconhecimento global desta língua que é falada oficialmente em nove países, quatro continentes e é a quinta mais utilizada no espaço da Internet.
Em Assembleia Geral Ordinária realizada no dia 11/03 último, nas dependências da Casa de Portugal, foram eleitos os integrantes do CCLB, com ação para o triênio 2020 / 2023, tendo como presidente Manuel Magno Alves.
O mundo está sob medidas de isolamento social impostas para diminuir a disseminação do coronavírus. Desta maneira, grande parte da população é obrigada a fica em casa e até mesmo trabalhar em home office.
Patrocinadores:
Premium
São Critóvão
Silver
BBR
Apoio:
Apoio
Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo
Edifício "Casa de Portugal" Av. Liberdade, 602 - São Paulo/SP - Cep 01502-001 - Celular/WhatsApp +55 (11) 94513-0350 - Telefones +55 (11) 3342-2241 e (11) 3209-5270
www.cclb.org.br - cclb@cclb.org.br - Entidade de Utilidade Pública - Lei Estadual 6.624 de 20/12/1989 - Jornalista responsável: Maristela Bignardi - MTb. 10.204

Somos privilegiados pela herança lusitana e também por podermos contar com o Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo que é o órgão que congrega nossa cultura viva em solo paulista. Pelo Conselho a história não se perde, porque uma das diretrizes da entidade é preservar e valorizar nossos usos e costumes que mantêm a tradição de nossa gente sempre presente nos festivais, no folclore, na música e na gastronomia. A ação do Conselho é defender um legado histórico e cultural inestimável.

Este site usa cookies. Os cookies neste site são usados ​​para personalizar o conteúdo, fornecer recursos de mídia social e analisar o tráfego. Além disso, compartilhamos informações sobre o uso do site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise da web, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram do uso de seus serviços.
Concordo